Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desabafos de uma mulher dos anos 80...

"A vida em constante mudança..."

Desabafos de uma mulher dos anos 80...

Qui | 17.05.12

Até que enfim! Combati o Vírus!

Butterfly

Desde sempre gostei de peixes... Desde que comecei a trabalhar (e já la vão uns aninhos), resolvi investir algum do meu dinheiro num aquário de água quente. Além de adorar os peixes, acho que fica uma peça muito bonita em casa, trazendo um ambiente relaxante e ao mesmo tempo acolhedor. Dá alma à casa! Bom, no inicio como não me quiz aventurar e arriscar em comprar tudo e mais alguma coisa para o habitat dos meus peixes, decidi informar-me junto de um profissional sobre o que deveria fazer, como fazer, que equipamentos teria que comprar etc. Tudo o que lhes favorece o habitat e as condições a que têm direito. Sim, são peixes, mas são SERES VIVOS. Quando era adolescente tinha um telescópio (aqueles pretos com os olhos esbugalhados!) num aquário de esfera em cima da minha mesa cabeceira. Quando acordava sabia me maravilhas ficar a olhar para ele…Ou então quando adormecia… Mas não entendia porque é que eles duravam tão pouco tempo… Sempre que contava a alguém (que não fosse entendido em aquarofilia) sobre a duração do peixe, diziam “Ah e tal….. não lhe deste comer!”; “Ah e tal…não mudaste a água…!”… Pois é babes, mas não era nada disso: Já pensaram como se sentiriam se vivessem num quarto escuro apenas com1 metro(1x1)? Toda a vida? Só limpavam e metiam comida, mais nada?? Se calhar começavam a atrofiar não???? É o mesmo que acontece aos peixes! Aqueles pequenos aquários de esfera, que toda a gente compra, são apenas um local do crime para um peixe e não um espaço para que eles possam desenvolver!

 

Bom, continuando… Comprei o meu aquário, comprei o termóstato para controlar a água, o filtro, as pedrinhas… E como não poderia deixar de ser, comprei plantas naturais… Ora vejam só… Gostam? Estes são iguaizinhos a alguns dos meus...

 


 

No entanto, e como todos seres vivos estam sujeitos a apanhar doenças, os meus peixinhos mais ou menos acerca de 3 semanas, começaram a morrer…{#emotions_dlg.sadflower} No inicio ainda pensei que era um que andava a morder os outros, e fui trocá-lo à loja na esperança que parassem de morrer. Mas… começaram a ter cada vez mais pontinhos brancos, as caudas recortadas… e a andarem de lado… O meu peixe-vidro mais parecia um cavalo marinho (andava na vertical já!), os meus guppy’s bebes não resistiram, as minhas viúvas negras ficavam brancas sempre que mudava a água… Conclusão: Era um vírus que se instalou no aquário…

O que fiz para o combater?? Aumentei a temperatura do termóstato, para cerca de 29, 30 graus… E CONSEGUI COMBATER!!!!! {#emotions_dlg.braga} O meu peixe vidro resistiu!!! Opa e os guppy’s são muito bonitos e reproduzem muito facilmente mas assim como criam rápido também morrem rápido! Bah!

 

Fiquei com as minhas Molly’s laranja-vivo, platty’s, peixe vidro, limpa vidros e limpa fundos (alguém tem de fazer a manutenção lá do sitio!), os meus néons…etc… Mas breve vou comprar mais um ou outro… Hum!!! Gostava mesmo mesmo era de ter um de água salgada… Mas são caros e a coisa não está boa para me pôr nessas vidas! Quem sabe não comece a encher o meu porquinho mealheiro? Já nem RONCA coitado!

 

 

Beijinho grande*

Vou me despachar e sair um bcdito!

See You later!

Niela**

 

 

Qui | 17.05.12

A Saga SAW....

Butterfly

Estas últimas 2 semanas,  dediquei os meus serões a ver... A saga SAW... Ahah...  Desde pequenina que vejo filmes de terror, e adorava. Eram os meus preferidos. Costuma ver com a minha vizinha os filmes de Freddie Krueger, lembram-se?? Recordo-me que nessa altura, aquilo dava me um medo de arrepiar! Ainda hoje tenho na memória certos episódios dos filmes. Ainda por cima, o meu padrinho tinha uma camisola, às riscas verde e vermelha, igualzinha à do Freddie Krueger. (Sempre que lá ia a casa e o raio da camisola estava na casa de banho, dava me calafrios na barriga... - Opa era uma miúda, adorava o filme, ainda conseguia acreditar nessas coisinhas....)

 

Mas digam lá se ele n é assim uma personagem um tanto ou quanto.... arrepiante??

 

 

 Bom, mas o meu post de hoje, é sobre a Saga SAW. Para quem não sabe, também são filmes de terror... Foi escrito por  James Wan e Leigh Wahnell. Há muito que foi lançado o I, II, III, IV, V, VI, e recentemente o VII!!!! Este último em versão 3D. Adorei o 1 e o 2... São feitos vários jogos ou enignmas mortais a pessoas seleccionadas pelo Serial Killer, John ou Jigsaw. O objectivo de John é que as respectivas pessoas vejam de facto o valor da vida, encostando-as contra a parede através dos jogos. O jogo, ao contrário do que muitos pensam, não passa nem DEVE passar pelo intuito dos participantes (forçados). Pois caso aconteça, o mais certo é morrerem. Como são os jogos? Por exemplo, um agente policial amarrado, de pé, com a cabeça numa caixa de vidro, ligada a outra caixa que vai pondo água na caixa onde o jogador tem a cabeça. Ou seja, se n for inteligente o suficiente morrerá afogado. Credoooooo... Só o sufoco de ter a cabeça dentro duma caixa de vidro já dava pa me dar um "aimoke" =P

Considerei estes filmes de um grande terror - Mãos e pernas cortadas, barrigas cortadas por um pendulo, olhos perfurados, bocas cozidas, olhos cozidos com uma agulha... Uuuuiiii... Mas é muito viciante.

 

Agora só me resta ver o SAW VII. Espero que este me surpreenda, pois apesar de estar sempre na expectativa do que possa acontecer, achei um pouco repetitivo. Caso queiram espreitar um pouco cliquem aqui... Para quem gosta de terror, vão ver a curiosidade a crescer. 

 

 (A máscara que John criou para criar os seus videos e transmitir os jogos).

 

Aconselho a verem!

Niela*

Qua | 16.05.12

Desemprego, estigma?? Diz Passos Coelho...

Butterfly

Passos Coelho referiu que "estar desempregado não pode ser, para muita gente, como é ainda hoje em Portugal, um sinal negativo. Despedir-se ou ser despedido não tem de ser um estigma, tem de representar também uma oportunidade para mudar de vida, tem de representar uma livre escolha também, uma mobilidade da própria sociedade".

Declaração de Passos Coelho, 11 de Maio 2012

in: www.ionline.pt (Caso queiram espiolhar melhor a noticia, aí têm)

 

Tá... concordo, quando diz que não podemos encarar o despedimento como um sinal negativo… Então mas… se ñ é negativo é o k?? Lutei por um lugar para desenvolver a economia deste país, fiz sempre os descontos… Pago os meus impostos… E o MEU país nem um lugar me dá??? Só podemos ver o despedimento como um sinal positivo caso tenhamos a conta recheada de milhares de €… Só quem não tem contas ao final do mês para pagar, quem ñ tem filhos, quem não tem ambições na pu** desta vida é k pode ver como sinal positivo?! REVOLTA-ME!

Lutei e continuo a lutar pela minha vida, pelo que quero, pelos meus sonhos, e neste momento até por aquilo que não pensava fazer. E então? Continua-se na mesma…Desempregada à 5 meses, tenho direito a fundo de desemprego, e porque as meninas da segurança social fizeram questão de me dar a papelada errada para preencher, ainda estou sem receber!!!! Desculpem… mas é brincar com a vida dos outros…

Não se esqueçam também da responsabilidade social… Ao menos aqueles que trabalham que façam com pés, troncos e membros! 

 

 

 

Sempre defendi o nosso país a torto e a direito... Enquanto andava na universidade a investir na minha formação, sempre pensei que houvesse por aí um lugarzito e a oportunidade de vingar... Sim sim...Já trabalhei e mt na minha área, felizmente, mas nunca se chega a lado nenhum... 

 

Um beijinho revoltado{#emotions_dlg.annoyed}

Niela*

Sex | 11.05.12

Sei lá... chateada?irritada....?

Butterfly

Sinto-me… estranhamente irritada… Chateia-me quando nos dizem tudo, prometem-nos mundos e fundos, que nos declaram que as suas vidas dependem de nós, e que aconteça o que acontecer seremos e teremos sempre o “Nós”. Mas não me chateio por mo dizerem, chateio-me por não conseguir acreditar profundamente nas palavras que são ouvidas, chegando ao ponto de dizer que pode ñ ser bem assim cm me estão a dizer, e darem me de novo o“feedback” positivo… “Estás tonta?! A nossa história é impossível de ser apagada, esperarei por ti, ACREDITA.” E agora??? Pois… agora… agora vê-se quem tinha razão. Ajuda-me a chegar à mesma conclusão, a ñ mudar de ideias, mas desta x já estamos na parte prática: Por mais linda que a história seja, por mais que nos encaixássemos, por mais que tenhamos tido 1 e realmente verdadeira historia…como nunca tivemos... Foram apenas momentos…Não passaram de momentos? Perdidos no tempo… Palavras que foram ditas…Naquele momento fizeram todo o sentido. Mas só naquele minuto, naqueles segundos, naquelas horas, naqueles dias, talvez meses… Desiludi-te, mas tu… muito mais. 

 

Tudo passa e, tão logo, vira história

Na memória que repousa em falsa paz,

Já que tudo que acontece vem da aurora

Que outrora foi de glória, ação fugaz. 

 

Tudo passa, nada fica,

Além das letras que distorcem o amanhã

Como se ontem fosse mais viva

Essa ferida que domina a mente sã. 

 

Tudo acaba, nada é eterno,

Além das crenças que acorrentam os pensamentos,

Sendo tormento seguir o império

Que eu renego, quando vivo o meu momento...  

 

Vanessa Rodrigues. 

 

Beijo

Niela*

 

 

Pág. 2/2